Documento solicita a inclusão da categoria na lista prioritária de vacinação contra COVID-19


No dia 06 de abril de 2021 foi protocolada a Indicação 5577/2021, de autoria da deputada estadual Dulci Amorim (PT), que solicita a inclusão de trabalhadores e trabalhadoras dos Correios na lista prioritária de vacinação contra COVID-19. O documento faz um apelo ao governador Paulo Câmara e ao secretário de Saúde do Estado de PE, André Longo, para que sejam implantadas as medidas necessárias para incluir a categoria nas prioridades do Plano de Vacinação.


“O Correio é um sistema de comunicação que envolve o envio de documentos (cartas e faturas) e encomendas entre um remetente e um destinatário. Vivemos hoje um aumento de casos da COVID-19, e já tem estudos que mostram que o vírus pode permanecer até 24h na superfície do papel, sendo assim, esses profissionais precisam ser imunizados com a maior brevidade possível, já que desempenham um serviço essencial e não podem parar”, diz a justificativa apresentada na Indicação, que também destacou a morte de 03 companheiros em decorrência da doença só na última semana.


De acordo com o diretor do SINTECT-PE, Antonio Lira, o documento fortalece ainda mais os serviços essenciais dos Correios não só aqui no estado, mas em todo o país. “Vivemos um momento difícil, essa pandemia não escolhe classe ou cor, ela veio para atacar a todos e a gente deposita muita esperança nessas vacinas quem vêm aí. Infelizmente o governo federal não tem atuado com dignidade e solidariedade com seu povo. Agradecemos à deputada pelo empenho, precisamos de mais pessoas comprometidas não só com os trabalhadores dos Correios, mas também para que toda população seja vacinada e que essas mortes venham a cessar. Fora, Bolsonaro genocida!”, concluiu Lira.


#SomosEssenciais

#VacinasJá


Leia a Indicação na íntegra: Indicação 5577/2021