Ambiente de trabalho impróprio: Justiça condena Correios a indenizar trabalhadores por danos morais


Créditos na imagem

O SINTECT-PE ingressou com ação em defesa dos trabalhadores da Ac Cachoeirinha e a ECT foi condenada a indenizar por danos morais decorrente do ambiente impróprio em que os funcionários laboravam. Infelizmente essa é a realidade dos Correios em todo estado de Pernambuco. Aliás, dos 32 Cdds na capital nenhum é de referência.


Diante das péssimas condições de trabalho, a justiça condenou a empresa a pagar a quantia de R$36.312,29 a título de danos morais. Esse valor será dividido entre os quatro trabalhadores da unidade. A demanda de trabalho continua muito alta e a ECT não oferece condições adequadas e nem realiza concurso público, está cada dia mais difícil.


Por não respeitar a NR 24 ( condições sanitárias e de conforto nos locais de trabalho), a Superintendência de Pernambuco mais uma vez é autuada e multada e vai ter que pagar mais uma indenização. Nós, trabalhadores e trabalhadoras, exigimos respeito e um tratamento decente do superintendente dos Correios em Pernambuco. É por conta do nosso trabalho que a área operacional dos Correios conseguiu pela quinta vez o Oscar da Indústria Postal. Precisamos ser valorizados!


SINTECT-PE

Juntos, somos mais fortes!